Rony Torres mantém o cinturão do Shooto Bope

Rony Torres mantém o cinturão do Shooto Bope

A já tradicional edição do Shooto Brasil em homenagem ao Bope (Batalhão de Operações Especiais do Rio de Janeiro) pegou fogo na noite desta sexta-feira (24), no Rio de Janeiro. Com a presença de muitos policiais de diversas corporações na plateia, o público viu o ex-UFC Ronys Torres despachar o desafiante Marcio Bruno e manter o título dos ultra-leves (até 72,6 quilos) na luta principal do Shooto Brasil 87.

No co-main event a mineira Lara Procópio, campeã dos galos, venceu a veterana Sidy Rocha na disputa pelo cinturão peso-mosca (até 56,7 quilos) feminino, mas não pode ficar com o título por não ter batido o peso na véspera do evento.

Outros destaques foram os triunfos do agente federal Haroldo Bunn diante do lendário Johil de Oliveira e do soldado do Bope Rafael Bernardo, que bateu Rafael Cacique por finalização.

SHOOTO BRASIL 87 – Bope

Resultados oficiais

Card principal

Ronys Torres finalizou Marcio Bruno com um mata-leão a 1min e 40seg do terceiro round

Lara Procópio venceu Sidy Rocha por decisão unânime

Haroldo Bunn finalizou Johil de Oliveira com uma chave de braço aos 4min e 38seg do primeiro round

Ugo Barbosa venceu Andrius Tigrão por nocaute aos 4min e 15seg do primeiro round

Milson Barão venceu Junior Negão por decisão unânime

Ricardo de Souza venceu Guilherme Doin por nocaute técnico aos 3min e 28seg do primeiro round

Rafael Bernardo finalizou Rafael Cacique com um katagatame aos 4min e 49seg do segundo round

Wandenberg Nascimento venceu Willian Ferreira por nocaute técnico aos 3min e 48seg do segundo round

Patrizio de Souza venceu Adilson Pica Pau por decisão majoritária

Card preliminar

Keweny Lopes venceu João Gilberto por nocaute técnico aos 45seg do segundo round

A luta amadora entre Mairon Santos e Leandro Zé Pequeno terminou empatada

Foto: Natalino Werneck/Werneck Produções
(Notícia lida 19 vezes, 1 só hoje.)