Pacquiao x Horn: ‘Já vi coisa pior’

Pacquiao x Horn: ‘Já vi coisa pior’

O experiente técnico e ex-pugilista Sidney Ubeda Gomez, 58 anos, que está radicado há vários anos nos Estados Unidos, acompanhou ao combate envolvendo o veterano filipino Manny Pacquiao e o promissor australiano Jeff Horn, ocorrido na noite de sábado (1o), no lotado Suncorp Stadium (Lang Park), na Austrália. Em decisão unânime e até polêmica dos jurados, Horn venceu com esta contagem: 117 a 111, 115 a 113 e 115 a 113.

Pacquiao e Horn realizaram um grande combate, com o que é preciso para agradar ao público: troca violenta de golpes com técnica, o experiente diante do jovem, o favorito e a zebra e dois atletas dando o máximo para vencer. Acredito que o filipino venceu, colocando os melhores golpes durante a luta, principalmente nos rounds intermediários. Porém, Horn não permitiu em nenhum momento o controle do combate por parte de Pacquiao, sempre contragolpeando perigosamente e atacando com precisão e eficiência. Os primeiros cinco rounds foram equilibrados podendo ir para um ou outro”, relata Ubeda.

“O corte, por choque acidental de cabeça, sofrido por Pacquiao no sexto round, fez com que ele diminuísse o ritmo no sétimo e oitavo assaltos para vencer claramente o nono, colocando Horn em  más condições, quase parando  a luta. Não aconteceram momentos de total controle na luta por um ou outro boxeador, a não ser no nono round, em favor de Pac. Mostrando muita garra, Horn voltou a equilibrar as ações, quando tudo parecia estar caminhando para uma vitória clara do filipino. Foi uma grande luta, com dois boxeadores fortes, técnicos e competitivos”, acrescenta o brasileiro.

“O resultado, bem… o resultado? Já vi bem piores….”, complementa Ubeda.

CURRÍCULO

O brasileiro Sidney Ubeda Gomez foi boxeador amador (1975-1978) e profissional (1988-1989). Treinou atletas e academias conceituados, tais com BCN (1978-1983), Training Club (1984-1987) e Esporte Total (1988), Coliseu Boxe Center (1993-2000); foi treinador profissional nos Estados Unidos (1989-1992) e do renomado pugilista Adilson “Maguila” Rodrigues (1992-1993/1995-1997).

Além disso, foi técnico da Confederação Brasileira de Boxe (1998-2003), treinador campeão Brasileiro pela equipe de São Paulo (1989), treinador campeão Brasileiro de Novos com a equipe de São Paulo (1981), manager da NYSAC/EUA (2005), técnico da Ringside Gym de New Jersey/EUA (2005-2007) e técnico Union City Boxing Club, trabalhando com o atleta profissional Jason Escalera (desde 2012). Atualmente, também é proprietário da Academia Coliseum Boxe Center, nos Estados Unidos.

O experiente técnico e ex-pugilista Sidney Ubeda Gomez

O experiente técnico e ex-pugilista Sidney Ubeda Gomez

Fotos: Chris Hyde/Getty Images e Divulgação