Marcelo Ayres investe na carreira de personal fight

Marcelo Ayres investe na carreira de personal fight

Empresário, professor de diversas modalidades de artes marciais e instrutor de defesa pessoal urbana, Marcelo Ayres, 48 anos, teve de fechar temporariamente o centro de treinamento que mantinha em Votorantim, região de Sorocaba, por causa da pandemia de coronavírus (Covid-19).

O imprevisto, no entanto, não o fez baixar a guarda. Para continuar atendendo aos alunos e seguir fazendo aquilo que mais gosta, ele resolveu investir na carreira de personal fight. As aulas são individuais, têm em média uma hora de duração e nelas são observadas todos os protocolos sanitários exigidos, como uso de máscaras, álcool em gel 70% e luvas.

Marcelo Ayres explica que o personal fight é um treinamento personalizado que se utiliza de técnicas de luta. Em seu caso, ele usa os movimentos funcionais, pois também é formado em educação física, e muitos golpes do taekwondo e do hapkido, modalidades que domina há mais de 30 anos.

Credenciado pela Polícia Federal e instrutor de defesa pessoal do Grupo de Segurança Berbel, Marcelo Ayres conta ainda que as aulas de personal fight podem ser aplicadas na casa do interessado ou em um parque, ao ar livre. “Eu tenho e levo todos os equipamentos necessários para uma boa aula”, acrescenta.

Conforme ele, o treinamento é voltado a todos aqueles que querem perder peso, ganhar preparo físico, disposição, bem-estar, saúde e – claro – aos que querem aprender técnicas de defesa pessoal. “Ensino os procedimentos que podem ser adotados dentro de um carro, como entrar e sair de casa e como se prevenir em situação de risco”, comenta.

O preço da hora aula varia entre R$ 70 e R$ 100 dependendo da necessidade da pessoa. Uma das alunas é a modelo Carol Dias, hoje educadora financeira e que já atuou no programa Pânico (com ele na foto em destaque). “Ela perdeu sete quilos em apenas 20 dias”, afirma.

WhatsApp Image 2020-06-23 at 20.32.45 (1)
Fotos: Divulgação
(Notícia lida 1 vezes, 1 só hoje.)