Hacran Dias retorna com vitória no Shooto Brasil 84

Hacran Dias retorna com vitória no Shooto Brasil 84

O Shooto Brasil realizou mais uma edição na noite de sábado (26), no Rio de Janeiro. A Upper Arena recebeu um visitante ilustre para este evento: o zagueiro Thiago Silva, da seleção brasileira e do PSG. Ele aproveitou a última folga antes da viagem à Europa para a Copa do Mundo e prestigiou as lutas ao lado do amigo José Aldo.

Ambos viram Hacran Dias, ex-atleta do UFC, bater Maurício Machado no combate principal da noite por finalização e retornar ao Shooto com vitória. Outros destaques foram as vitórias de Lucas Ananias sobre Douglas Moreno no co-main event e Willian Ferreira, policial do Bope, que fez a festa do público e dos companheiros de corporação presentes ao bater Rafael Cacique.

LUTA PRINCIPAL

O octógono do Shooto Brasil viu o retorno de um velho conhecido. Presente na segunda edição do show, em 2007, e ex-campeão dos penas e leves do evento, Hacran Dias retornou após passagem de cinco anos no UFC.

Muito empurrado pela torcida, o atleta cria do Morro Santo Amaro, na zona sul carioca, fez bonito. Logo no início, conseguiu uma queda e buscou a finalização, que não veio com um katagatame ajustado, mas saiu com uma linda chave de braço para delírio do público presente. Foi a 24ª da carreira do carioca.

SHOOTO BRASIL 84

Resultados oficiais

Hacran Dias finalizou Mauricio Machado com uma chave de braço aos 3min e 58seg do R1

Lucas Ananias venceu Douglas Moreno por nocaute técnico aos 39 seg do R3

Carlos Eduardo Blade venceu Bruno Alexandre por decisão unânime

Eliandro PQD venceu Wanderson Michel por decisão unânime

Jaciel de Souza Lima venceu Rafael Bernardo por nocaute técnico aos 2min e 17 seg do R1

Valesca Tina venceu Julia Polastri por decisão unânime

Cemey Meiota venceu Lucas Perizinho por decisão unânime

William Ferreira venceu Rafael Cacique por decisão unânime

Cristian Rodrigo venceu Lucas Karate por nocaute técnico a 1 min e 52 seg do R2

Lucas Gusmão finalizou Paulo Ricardo Silva com uma chave de braço a 1min e 25 segundos do R1

Foto: Natalino Werneck/Werneck Produções
(Notícia lida 24 vezes, 1 só hoje.)