Adriana Araújo defende título diante de venezuelana

Adriana Araújo defende título diante de venezuelana

A brasileira Adriana Araújo faz, em 29 de fevereiro, a primeira defesa de título mundial. A luta contra a venezuelana Estheliz Hernandez será no Boxing For You, na Arena de Lutas, em São Paulo, Capital. O combate principal do evento será do também brasileiro Esquiva Falcão. Ele enfrenta o argentino Jorge Daniel Miranda. O card completo terá transmissão do canal FoxSports.

Adriana Araújo, a única medalhista olímpica da nobre arte brasileira, é detentora do título mundial silver do Conselho Mundial de Boxe, na categoria superleves (até 63,5 quilos), desde outubro do ano passado quando venceu a argentina Claudia Andrea Lopez por decisão unânime (100 a 89, 100 a 89 e 99 a 90) no Boxing For You 7, realizado também na Arena de Lutas.

A baiana tem um cartel de cinco lutas profissionais com cinco vitórias. Sua primeira na carreira foi em 2017 quando venceu Elaine Maria de Albuquerque, mesma adversária do começo de 2019, por nocaute.

Minhas expectativas são as melhores. Eu já conheço a minha adversária do boxe olímpico, ela lutava na categoria 57 quilos, tem um estilo de luta bem parecido com o meu, mas eu tenho um diferencial e vou usar isso contra ela. Estou bem, treinando duro aqui em Salvador e, com certeza, isso me levará ao título principal”, comenta a campeã.

Rangel Almeida, técnico de Adriana está impossibilitado de treiná-la por problemas de saúde. No entanto, a pugilista faz suas atividades desde agosto com boxeador olímpico Robenilson de Jesus, atleta que participou de três olimpíadas (2008, 2012 e 2016) e ficou muito tempo na seleção brasileira, onde conheceu Adriana.

Desde quando saiu a data do Boxing For You, montei uma planilha de treino para a defesa do título baseado no que precisamos. No camping de treino dela serão oito sparring. Ela estará pronta no dia 29 para dar mais uma alegria ao povo brasileiro e se manter firme para o cinturão mundial regular”, comenta Robenilson de Jesus.

Natural de Valencia, na Venezuela, a adversária da brasileira, Estheliz Hernandez, acredita que está no melhor momento da carreira e levar o cinturão para casa é só questão de oportunidade. “O melhor momento da minha carreira é agora. Chegou a oportunidade que eu estava esperando”, afirma. “Será uma boa luta, estou me preparando ao máximo para esse compromisso. Minha oponente é muito boa, é uma boxeadora muito forte e tenho certeza que será uma boa luta.”

A venezuelana tem seis lutas e seis vitórias no cartel, sendo cinco por nocaute e a última contra a conterrânea Yoselin Cedeno, em março do ano passado. Morando em Bogotá, Colômbia, “La Negrita”, como é conhecida, treina no Ginásio Apolo Boxing Clube, sob a supervisão do treinador Nilson Potes. “Essa luta para mim é um objetivo pessoal grande. Darei tudo de mim”, ressalta.

INGRESSOS

Os ingressos para o Boxing For You de 29 de fevereiro, com as lutas de Esquiva Falcão e Adriana Araújo, são limitados e comercializados a R$ 100. Para mais informações: (11) 3115-0355.

Foto: Mario Palhares/B4Y
(Notícia lida 1 vezes, 1 só hoje.)